Blog

Infecção urinaria — pode levar à morte Ligado na Saúde

Infecção urinaria — pode levar à morte

Data de publicação: 27/03/2018 11:46:00
Categoria: Doenças
  • Compartilhar:

Urgência para ir ao banheiro, queimação ao urinar e fortes odores são indicativos de infecção no trato urinário. Uma das infecções mais comuns, a infecção urinária pode ser causada por bactérias, fungos e, raramente, por vírus.

Apesar de atingir mais comumente as mulheres, já que nelas a uretra está mais próxima do ânus que na anatomia masculina, homens também devem estar atentos à enfermidade. A infecção começa na uretra e na bexiga e, caso não seja tratada corretamente, pode chegar até os rins e tornar-se grave.

Quais são os sintomas de uma infecção urinária?
Os sintomas mais comuns da infecção no trato urinário estão presentes no ato de urinar e nas características da urina. Sentir queimação ao urinar, urgência para ir ao banheiro, fazer pouco xixi, dor pélvica em mulheres e retal em homens são sintomas da doença. Quanto à urina, os fortes odores e a aparência turva sinalizam a infecção urinária.

Quando a enfermidade chega a afetar os rins, os sintomas são arrepios, febre, náusea e vômito. No entanto, é importante procurar um profissional da saúde antes que a doença alcance os rins, já que, uma vez no órgão, as bactérias podem atingir o sangue e levar até à morte.

Como é que se contrai a infecção urinária?
Em geral, idosos estão propensos a desenvolver infecções urinárias. Além disso, pessoas que passaram por cirurgias e necessitam de repouso prolongado também são mais afetadas pela doença, assim como aquelas que sofrem de pedras nos rins.

A diabetes, a gravidez e um sistema imunológico enfraquecido podem facilitar a contaminação do sistema urinário. Além disso, após a menopausa, com a diminuição dos níveis de estrogênio, as mulheres tendem a contrair a doença com mais facilidade.

O sexo também pode influenciar na contaminação do trato urinário feminino. Seja pela pressão no trato urinário durante a relação sexual, o uso de espermicidas ou de preservativos não lubrificados, a irritação na vagina pode levar à migração de bactérias para o trato urinário.

Entretanto, o sexo sem preservativo não é seguro e pode levar à transmissão de doenças sexualmente transmissíveis. Por isso, é indicado que seja feito uso de lubrificantes à base de água, que não danificam o material da camisinha.

Como é possível prevenir-se contra a infecção urinária?
A ingestão de água é importante para evitar a infecção urinária, assim como evitar segurar a urina por longos períodos. Para as mulheres que têm casos recorrentes da infecção, a ingestão diária de suco de cranberry e o uso de probióticos vaginais pode ajudar na prevenção. É importante, também, cuidar da higiene dos órgãos sexuais.

É sempre importante consultar um médico diante de qualquer sintoma, e antes de tomar qualquer medicamento.

Infecção urinária durante a gravidez prejudica o feto?
A infecção urinária pode trazer grandes riscos às mulheres grávidas, já que pode causar aumento na pressão arterial e levar até mesmo a partos prematuros. A gravidez também pode fazer com que a doença chegue aos rins rapidamente. Por isso, mulheres grávidas com sintomas de infecção urinária devem procurar um médico imediatamente.

Fonte:

Tradutora e redatora: Daniela Souza
Revisora: Paula Ávila
Designer: Raphael Alpoim